O que é coeficiente de atenuação linear – Definição

A soma das três seções parciais é denominada coeficiente de atenuação linear. Atenuação de raios gama. Dosimetria de Radiação
A seção transversal total da interação de raios gama com um átomo é igual à soma das três seções parciais mencionadas: σ = σ f + σ C + σ 

  • σ f – Efeito fotoelétrico
  • σ C – espalhamento de Compton
  • σ p – Produção em pares

Dependendo da energia dos raios gama e do material absorvedor, uma das três seções parciais pode se tornar muito maior que as outras duas. Em pequenos valores de energia de raios gama, o efeito fotoelétrico domina. A dispersão de Compton domina em energias intermediárias. A dispersão de comptons também aumenta com a diminuição do número atômico de matéria; portanto, o intervalo de dominação é maior para os núcleos leves. Finalmente, a produção de pares elétron-pósitron domina a altas energias. Com base na definição da seção transversal de interação, pode-se derivar a dependência da intensidade dos raios gama na espessura do material absorvente. Se raios gama monoenergéticos são colimados em um feixe estreitoe se o detector atrás do material detectar apenas os raios gama que passaram por ele sem nenhum tipo de interação com esse material, a dependência deverá ser uma atenuação exponencial simples dos raios gama . Cada uma dessas interações remove o fóton do feixe por absorção ou dispersão na direção do detector. Portanto, as interações podem ser caracterizadas por uma probabilidade fixa de ocorrência por unidade de comprimento do caminho no absorvedor. A soma dessas probabilidades é chamada de coeficiente de atenuação linear :

μ = τ (fotoelétrico) + σ (Compton) + κ (par)

Coeficiente de atenuação linear

A atenuação da radiação gama pode ser descrita pela seguinte equação.

I = I 0 .e -μx

, onde I é a intensidade após a atenuação, I o é a intensidade do incidente, μ é o coeficiente de atenuação linear (cm -1 ) e a espessura física do absorvedor (cm).

Os materiais listados na tabela ao lado são ar, água e elementos diferentes do carbono ( Z = 6) ao chumbo ( Z = 82) e seus coeficientes de atenuação linear são dados para três energias de raios gama. Existem duas características principais do coeficiente de atenuação linear:

  • O coeficiente de atenuação linear aumenta à medida que o número atômico do absorvedor aumenta.
  • O coeficiente de atenuação linear para todos os materiais diminui com a energia dos raios gama.

AtenuaçãoDependência da intensidade da radiação gama na espessura do absorvedor.Atenuação de raios gamaA importância relativa de vários processos de interação da radiação gama com a matéria.Tabela de coeficientes de atenuação linear (em cm-1) para diferentes materiais com energias de raios gama de 100, 200 e 500 keV.

Absorvedor 100 keV 200 keV 500 keV
Ar   0.000195 / cm   0.000159 / cm   0.000112 / cm
Água 0,167 / cm 0,136 / cm 0,097 / cm
Carbono 0,335 / cm 0,274 / cm 0.196 / cm
Alumínio 0.435 / cm 0,324 / cm 0,227 / cm
Ferro 2,72 / cm 1.09 / cm 0.655 / cm
Cobre 3.8 / cm 1,309 / cm 0,73 / cm
Conduzir 59,7 / cm 10,15 / cm 1,64 / cm

 

……………………………………………………………………………………………………………………………….

Este artigo é baseado na tradução automática do artigo original em inglês. Para mais informações, consulte o artigo em inglês. Você pode nos ajudar. Se você deseja corrigir a tradução, envie-a para: [email protected] ou preencha o formulário de tradução on-line. Agradecemos sua ajuda, atualizaremos a tradução o mais rápido possível. Obrigado.